Joie de vivre

1 jul

Tempo de copa é tempo de imaginar os nomes esquisitos que virão por aí, né? Imagina Jabulanis, Vuvuzelas… Que medo!
Normal.
Muitas pessoas serão definidas por nomes estranhos enquanto o mundo for mundo e enquanto existir jogador de futebol.
Mas pior que ser definido por um nome, que é até aceitável, dã, é ser definido por uma profissão.
Um mundo imenso. Tem sexo, amor, amizade, procriação, contemplação, inteligência, Deus. E nego quer ser Músico. Publicitário. Advogado.
“Oi, me chamo Redator Vieira. Adoro os anúncios, os comerciais, acho que 30 segundos é o tempo necessário para salvar uma vida”.
Não se fala mais de outra coisa na vida desse Sr.
Mas há muito tempo atrás, já se falou muito em ócio criativo.
Não tinha um livro, best-seller, com esse nome?
Eu adoro trabalhar. A única coisa que não gosto de fazer é faxina e ginástica.
No mais, topo pintar parede, colocar cerca, aguar as plantas. Tô dentro.
Não assumo a ideologia de ser definida pela profissão mas escolhi uma onde eu pudesse observar o nada e ainda chamar isso de trabalho.
Nos meus sonhos, pelos menos. No dia a dia não é bem assim.
Fábrica é fábrica. Tudo bem, é o sistema.
Ando muito rebelde.

-Isso não muda com a idade não, ô Saturninho de uma figa?

Mas disfarço super bem.
Só não vá pedir preu dizer sim senhor, não senhor, eu mando enfiar uma cenoura no ca co c… (desculpa mainha).
Não aprendo desde a escola, vai ter que rolar uma auto-terapia.
Lembro que eu ia pra prova sem estudar, pronta pra tirar um zero, desapegada do zero mas, quando chegava o zero, batia uma deprê.
Bem que a professora podia gostar de mim pela minha genialidade, né?
Egocêntrica até a morte. E isso não é um grito de guerra.
Descobri que eu não precisava ser a garota publicitária. Ou, daqui a pouco, a mulher publicitária (disfarça).
Eu posso ser Marília mesmo. Vai ser muito mais abrangente, até porque, eu nem gosto tanto de propaganda assim.
Hoje em dia, fico na boa. Sem nada pra fazer, super na boa.
A garota publicitária não ia sacar o espírito do ócio criativo mas Marília entendeu muito bem.
Adoro.
Tô cansada de tudo mesmo, descansar um pouquinho não vai fazer mal.

13 Respostas to “Joie de vivre”

  1. Ju Dominguez 01/07/2010 às 15:58 #

    Gente. É isso. Sempre quis dizer “professora, eu não sei nada de equações do segundo grau, mas tem cada coisa genial que sonho de noite que só por isso mereço um dez”.

    E é como eu disse: não faz bem pra ninguém passar a vida publicando mentiras. São mentiiiiiras siiiim, porque uma meia verdade não passa de uma mentira inteira.

  2. Mirna 01/07/2010 às 16:07 #

    descansa, Lia, descansa…

    eu também não gosto da profissão que define, gosto de tantas outras coisas por fora, e desgosto de tantas outras do trabalho…

    mas vamos lá arrumando coisas para fazer entre o ócio criativo, o descanso, as viagens, os sonhos..

    um beijo pra tu

    • Lia Valengo 01/07/2010 às 16:51 #

      É fácil querer descansar, né? É difícil conseguir. Mas estou gostando dessa descoberta. Estou precisando mesmo parar um pouco e colocar o coração no lugar. ;) Volte sempre.

  3. @aperteoalt 01/07/2010 às 16:11 #

    Vou terminar um job aqui e já comento.
    ;-)

    (ótimo texto!)

    • Lia Valengo 01/07/2010 às 16:49 #

      comenta!!!! vamos ser irmãos de adoção de todos os escritores legais.

  4. lanux 01/07/2010 às 16:32 #

    Aceitar o descansar deveria ser ensinado na escola. E alguém deveria perguntar ao mundo do trabalho o porquê do querer correr tanto… não existe lugar para chegar, gente. A vida é só uma, né? E ela é tão mais rica e bonita do que esse ar-condicionado e esse sentar na frente de um monitor 8 horas por dia… tb é saber parar, e deixar o mundo rodar levando a gente sem medo.

    • Lia Valengo 01/07/2010 às 16:49 #

      ainda bem que tu me inspira, baby.

  5. quel 01/07/2010 às 17:42 #

    sofro do mesmo mal. não entendo a conversa que se estende para o bar. “e aquele vt da margarina? muito foda aquela ação”. Eu ligo o foda-se, encho o copo e vou procurar outra mesa, outra conversa.
    estou redatora há alguns anos mas acho que nunca serei uma de fato (ou de alma), nunca vou me apaixonar por um jingle, ou um mascote, ou o que quer que seja nessa história.
    olho pela janela, a vida lá fora tão mais interessante… e acho muito mais gostoso não ser nada e ser tudo que eu quiser, sem pausa para anunciantes.

    • Lia Valengo 01/07/2010 às 18:18 #

      “sem pausa pra anunciante”. quel, a gente se entende que é uma beleza, visse? beijocas!!!

  6. Denise 08/07/2010 às 12:27 #

    Oi estou escrevendo para te convidar a ir dar uma visitinha no meu blog, ele vende rolos para pinceis de courino de ótima qualidade e são super fofas as estampas!
    Como é difícil encontrar coisas bonitas para guardar nossos pinceis tão amados acho q é uma opção super bacana que gostaria da sua visita!
    O endereço do blog é

    http://novobazar.blogspot.com/
    Beijokas

    Denise

    • Ju Dominguez 08/07/2010 às 14:21 #

      Oi, Denise. Menina, adorei os estojinhos. Vou mandar o link pras amigas. E é bem melhor que guardar em necessaire, né?
      Bjs e obrigada pela visita. Venha mais vezes. :)

  7. Laís 10/07/2010 às 18:27 #

    Lindo, Marília! Como todos os seus textos! Me pego deprimida até hj na hora de preencher o cadastro na loja depois de comprar feliz algo no cartão de credito, parcelado até 2012, qdo caio na laia das vendedoras e entro pro “cadastro da loja”. Profissão: hã? Primeiro pq eu não sei. Juro,não sei, me formei em jornalismo e exerci só um pouco. Não sou jornalista, ora bolas. Eu tô feliz com minha serotonina nas alturas depois de comprar essa bolsinha di-vi-na e la vem o establishment querendo rótulos, rótulos, mas que saco. Eu sou tudo junto. Mas há horas e horas de se perguntar. E eu precisaria de muitas sessões de terapia pra responder…

    • Lia Valengo 10/07/2010 às 19:11 #

      Né? Rótulos são um saco, bolsinhas divinas são tudo e viva a anarquia ( e os terapeutas).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: